31 outubro 2008

Profissão: Delegado Comercial de Vendas da Microsoft

José Sócrates chegou à cimeira ibero-americana falando do "verdadeiro computador ibero-americano". Quando se sentaram para a sessão todos os chefes de estado já tinham um Magalhães na mesa. Sócrates relembrou que "o Presidente Chávez o atirou um dia ao chão e não se partiu".

O Rei Juan Carlos, fez um elogio à unidade ibero-americana, dizendo aos líderes que "Espanha é e será sempre o vosso maior aliado". De seguida, Rodríguez Zapatero prometeu que a presidência espanhola da UE "terá acentuada pronúncia latino-americana". Sobre os desafios da crise internacional falou também o brasileiro Lula da Silva e o mexicano Felipe Calderón.

Juan Carlos, elogiou a unidade dos países e deu confiança a todos. Zapatero, prometeu mais cooperação ainda, durante a presidência espanhola da UE. Lula e Calderón, mostraram-se sensibilizados e preocupados com a crise internacional que se abate sobre todos.

Sócrates... armou um circo, não falou de nada importante e vendeu mais uns milhões de computadores á Microsoft. Será que não é incompatível o desempenho simultâneo das funções de Primeiro-Ministro e de Delegado Comercial de Vendas?

5 comentários:

Luis Melo disse...

Pelo visto, não sou o único a pensar que Sócrates parece um vendedor...

blog abrupto

Luis Melo disse...

E mais um...

blog 4ª Republica

AP disse...

Eu sempre disse que Sócrates está na profissão errada, ele é um excelente técnico de marketing...

José Rialto disse...

Só faltaram mesmo as pancadas de Molière antes da intervenção do senhor José, o caixeiro viajante...
Que tristeza!...
Ainda nos queixávamos nós das figuras a que se prestavam os nosso ministros.
Pelo menos, antigamente, eram só eles...

joshua disse...

Nada mais chocante e absurdo!